Nova Amsterdã 1646: O Estranho Ocaso do Lago da Vila do Bonfim

Saudações, Camaradas!

Como alguns de vocês já sabem, estou trabalhando em conjunto com o Joka do Espaço Mítico no projeto Nova Amsterdã, o mesmo que já falamos há alguns meses atrás. Então, aproveitando a época natalina, pensamos em dar mais uma amostra do Nova Amsterdã, disponibilizando a aventura “O Estranho Ocaso do Lago da Vila do Bonfim“.

Para os que deram uma visualizada no primeiro post, notaram que já tivemos algumas mudanças em relação à primeira proposta, especialmente no que se refere às Abordagens, que foram resumidas em três: Físico, Interpessoal e Intelecto. E o Mythos passando a ser uma façanha, composta em uma árvore. A Sanidade tornou-se um teste resistido, onde o jogador elenca seus aspectos, abordagens e façanhas e faz a sua rolagem.

Espero que curtam essa aventura com o espírito de Lovecraft nas terras nordestinas brasileiras no século XVII, durante a dominação holandesa.

O Senhor dos Anéis FAE – Regras para Mágica Sutil da Terra Média

Saudações, Camaradas!

Vamos dar início à segunda parte da série de postagens sobre O Senhor dos Anéis para Fate Acelerado. Dessa vez vamos falar sobre Regras para a mágica sutil da Terra Média. E para quem perdeu a primeira parte, é só dar uma clicada aqui e ver a primeira parte, que abordava as regras para corrupção.

Ficha de Personagem para Shadowrun FAE

E aqui vai a ficha de personagem – personalizada para a adaptação de Shadowrun para Fate Acelerado. Ao invés da tradicional ficha em A5, fiz uma maior, em A4, já que a adaptação pede mais espaço para implantes, equipamentos, armas, veículos, commlinks, feitiços, etc. Baixem aqui.

Fate Acelerado – ficha de personagem preenchível

E pra quem quer uma ficha rápida e fácil de preencher para Fate Acelerado, aqui está uma versão em A5 — cada folha permite fazer duas fichas, então mãos à obra!

Shadowrun para Fate Acelerado

Depois de muita demora, aqui está a adaptação nada oficial de Shadowrun para Fate Acelerado, feita a partir de algumas notas e personagens para uma série de one-shots em um cenário cyberpunk. Como surgiu interesse em saber como funcionava a adaptação e suas regras específicas para elementos como magia e implantes cibernéticos, decidi investir em um artigo — que logo virou um conjunto de regras e finalmente, uma adaptação cobrindo o que achei mais importante sobre o cenário, além de algumas informações pra situar quem sabe pouco (ou nada) sobre Shadowrun. Espero que curtam a adaptação.

E por favor, lembrem-se: críticas, comentários e sugestões são muito bem-vindos!

Os Campeões

O supergrupo da Marvel desta adaptação pode não ser um dos mais conhecidos, mais poderosos ou mesmo mais populares grupos, mas com certeza foi um daqueles com a formação mais incomum: Os Campeões. Não esqueça de baixar as fichas de personagens!

O Senhor dos Anéis FAE – Regras de Corrupção

Saudações, camaradas!

Venho mais uma vez dialogar com vocês sobre um assunto que é muito pertinente à minhas últimas postagens, o Fate; mais precisamente o Fate Acelerado — para os íntimos, FAE. Minha relação com o FAE começou em meados de 2015 quando o “Alto Sumo Sacerdote do Fate”, Petras Furtado, me apresentou ao sistema. Nunca fui muito adepto de sistemas genéricos, mas desde o primeiro encontro, isso mudou. Continuei como jogador até meados de março de 2016, quando decidi me aventurar a  narrar no sistema e desde então estou me aprofundando nele, aprendendo coisas novas e dando vida a algumas coisitas que eu queria narrar.

Os Defensores

Na linha de supergrupos da Marvel, hoje apresentamos Os Defensores, um grupo relativamente pouco conhecido de heróis que enfrentam ameaças místicas e sobrenaturais.  E suas fichas de personagens para Fate Acelerado.

Contra os Vingadores: Mestres do Mal

Dando continuidade à série de versões em Fate Acelerado dos maiores inimigos dos Vingadores nos quadrinhos, chegamos à vez dos Mestres do Mal. Aproveitem!

Doze Pokémons para Fate Acelerado

Saudações Camaradas!

Na minha adolescência eu gostava de Pokémon — não como os meus amigos, que chegaram a fazer, no fim da década de 1990, uma adaptação para GURPS (não peçam mais informações, pois sinceramente eu não lembro). E com o lançamento do Pokémon Go, o assunto voltou às rodas de amigos, onde muitos lembraram com saudosismo o passado. Como alguns sabem, sou professor e utilizo o RPG nas minhas aulas. Em 2016, o Fate Acelerado — FAE — foi o sistema eleito pelos discentes, por sua facilidade de adaptar vários tipos de conteúdos, como filmes, livros, desenhos animados e videogames, o que me animou a produzir material para ele.