Mouse Guard FAE – Mais Personagens Prontos

Salve patrulheiros de plantão! Como prometido, trago mais fichas de personagens prontos para serem usados em eventos/oneshots ou por aqueles que querem catapultar seus jogadores em uma aventura em Mouse Guard.

Mouse Guard FAE – Personagens Prontos

Olá pessoal! Devido a pedidos, trago a vocês uma postagem extra da Espaço Mítico na semana Yang do Mundos Colidem, apresentando alguns personagens prontos da adaptação de Mouse Guard FAE e permitindo que vocês os usem e joguem imediatamente com seus amigos.

Vilões, Equipamentos e Condições: Gaia Playtest

Sejam bem vindos 2d6 + bônus leitores! Eu sou o Joka, da Espaço Mítico. E hoje trago a continuação dos relatos da experiência do playtest do Gaia RPG. O foco do nosso relato é a Criação de Vilões; lidando com Equipamentos e como funciona o sistema de Condições 

Exploração e Combate: Gaia Playtest

 

Olá pessoal, eu sou o Joka e na coluna da Espaço Mítico desta semana darei continuidade ao relato do playtest fechado do Gaia RPG. Para quem não acompanhou a coluna nestes últimos dias, o Gaia RPG é uma produção autoral de Tio Lipe, que escreve na coluna Santuário do Mestre aqui no Mundos Colidem. A primeira parte do playtest vocês podem conferir na minha última postagem intitulada Criando cenário Colaborativo: Gaia Playtest e saber mais sobre o jogo e como está rolando a campanha.

Criando cenário colaborativos: Gaia Playtest

Sejam bem vindos a mais um Espaço Mítico, eu sou o Joka e trago para vocês duas novidades interessantes: A primeira é que neste artigo discutirei algumas maneiras de se criar um cenário colaborativamente com os jogadores, tanto para gerar inspiração para as aventuras seguintes, como para servir de aproximação entre os jogadores e o cenário, o que é especialmente interessante para quem quer começar uma campanha nova e não sabe bem o que fazer ainda.

A outra é que tudo isso foi feito para celebrar o início de uma campanha de playtest do Gaia RPG.

Tocados pelo Terror para Fate e Acelerado

Olá caros leitores, aqui é o Joka da Espaço Mítico e esta semana eu trago para vocês uma adaptação do cenário Tocados pelo Terror para Fate e Fate Acelerado.

Tocados pelo Terror – Cenário de terror de bolso

Sejam bem vindos, caros leitores, à coluna desta semana. Meu nome é Joka e sou responsável pela Espaço Mítico. Hoje, eu apresento a vocês um micro-cenário de terror pós-apocalíptico para 3D&T Alpha que vem sendo desenvolvido por mim em um jogo que estou narrando e que acabou servindo como uma luva para o Concurso Alphaversos.

Nova Amsterdã: O Conhecimento sobre os Mythos

Olá, eu sou o Lima, Raphael Lima.

 

No último episódio da Caixa do Lima, conversamos sobre a sequência da postagem a Aventura vai Começar (Parte 1 e Parte 2), que é uma série de artigos direcionada para os iniciantes — e porque não, para os curiosos e desejosos de outras alternativas — no Sistema Fate.

No episódio de hoje, vamos voltar a nossas atenções para Nova Amsterdã, um cenário para Fate Acelerado que estou desenvolvendo em parceria com Gilberto “Joka” Olímpio, e que foi abordado anteriormente em nossas respectivas colunas. Vamos a retrospectiva? Nova Amsterdã 1646: Os Mythos chegam ao nordeste holandês, Nova Amsterdã 1646: O estranho ocaso da vila do Bonfim e Folclore Brasileiro e Cthulhu: Nova Amsterdã. Essas postagens falaram um pouco da nossa ideia no cenário que está sendo produzido, então vale a pena dar uma conferida. E vou aproveitar o ensejo deste texto, para ao final explicar algumas modificações que foram feitas na proposta ao longo dos testes nos últimos meses.

Chronicles of Darkness Day – Lobisomem: os destituídos 2e

A Espaço Mítico desta semana vai mudar um pouco o foco das últimas postagens (nas quais estou devendo continuidade, mas isto está para ser resolvido) e traz para vocês uma aventura one shot e fichas de personagens para o RPG da linha Chronicles of Darkness, o Lobisomem: os destituídos 2e. A intenção aqui é estimular aqueles que ainda não conhecem ou não experimentaram o novo sistema e cenário da editora Onix Path a darem uma conferida no material.

Entre Escrita, World RPG Fest e Garotas Mágicas

Olá,

Escrever é um exercício que exige prática. Sim, há a necessidade de saber colocar de forma clara as ideias amorfas que estão no pensamento, afinal a escrita é um ato de comunicação – mesmo que seja de você para com você mesmo – mas ela exige prática, hábito. É preciso estar habituado a sentar de frente pra tela do computador ou pra uma folha de papel e não se perder no vazio que ela apresenta. É preciso estar habituado a utilizar aquele vazio pra moldar em palavras as ideias que flutuam em sua mente. Obviamente há técnicas que auxiliam a escrever, como uma grande quantidade de leitura, saber a que público está se dirigindo, o domínio ortográfico do idioma, etc., mas se você não tiver o hábito, a prática, tais técnicas se perdem. É por isso que pra quem não vive da escrita, quem não paga as contas com o dinheiro que recebe por escrever, quem escreve de forma amadora ou por hobby, a prática, o hábito da escrita vem do prazer, do gosto por ela.

E, às vezes, eu esqueço disso. E por esquecer, acabo soterrado por questões e elementos que não têm importância por eu escrever por hobby, resultando até em sintomas similares ao de bloqueio do escritor. Pra minha sorte, sou abençoado com pessoas em minha vida que aqui e ali, mesmo sem saber que o fazem, me desenterram dessas coisas e eu acabo relembrando que escrevo porque gosto, não porque preciso fazer pra ganhar dinheiro pra conseguir pagar as contas do mês. E o agradecimento desta vez vai pra Nina Bichara, eterna colega do Toca do Hutt, que atualmente escreve pro Garotas Geeks e você pode encontrá-la em alguns streams de RPG, além de colaborando na Dragão Brasil e atuando como editora da Aster (que já iniciou seu mais recente financiamento coletivo, do Sombras Urbanas, que você pode encontrar aqui). Obrigado, Nina! E #FicaNina!