Armadilhas complexas para D&D 5ed ou quando o encontro não é apenas com criaturas

Seja muito bem-vindo à nossa contínua subida na Torre do Destino. Eu sou João D e seguiremos nossa subida por uma sala que sempre me trouxe pensamentos próprios, caso nada nos machuque no caminho. Voltarei a falar sobre regras variantes oficiais do Dungeons and Dragons 5ª edição e dessa vez vou adentrar num território que para uns é crucial num RPG de masmorras e dragões, enquanto para outros é algo que beira o supérfluo. Nesse nível vamos voltar a falar sobre o Xanathar Guide to Everything (XGtE), mais precisamente sobre armadilhas. Vamos entender um pouco o conceito desses desafios e tentar aprimorá-los?

Analisando Sabedoria, ou como representar personagens instintivos em D&D 5ª edição

Caros leitores e aventureiros, na subida da nossa Torre do Destino, sejam bem-vindos ao terceiro e penúltimo nível sobre minha análise de atributos no D&D 5ª edição. Nesta nossa empreitada inicial já falei sobre meus pensamentos quanto ao atributo de Inteligência e quanto aos Atributos Físicos e suas relações. Seguirei para falar agora de cada um dos atributos mentais que faltam. Mais uma vez, aproveito para lembrar que essa é minha visão do sistema e com isso pretendo gerar um espaço para conversas e discussões sobre o tema. Quem sabe novas ideias de criação não surgem a partir disso?

Então… Vamos em frente?

Analisando atributos físicos ou como entender atributos multifuncionais

Caros leitores e aventureiros que seguem na subida da Torre do Destino, sejam bem-vindos ao segundo andar. Por aqui vou falar um pouco mais da minha visão sobre como o Dungeons and Dragons simula seus embates físicos, analisando os atributos físicos da 5ª edição. Seguirei na temática do D&D para mostrar melhor meu ponto de vista sobre sistemas de RPG e facilitar o entendimento quando eu for falar de outros jogos.

Começar entendendo o clássico para poder avançar.

Analisando Inteligência ou como ser “esperto” em D&D 5ª edição

Caros leitores, sejam bem-vindos à entrada da Torre do Destino. Eu sou João D e irei acompanhá-los na subida quase interminável da nossa torre. Em cada quinzena da nossa empreitada irei tratar sobre conteúdos diversos de RPG. Alguns tipos de sala serão recorrentes, como os laboratórios de análises ou de experimentos, mas não se preocupem, tentarei prezar pela saúde física dos meus leitores — então, sem chefões nos primeiros níveis.

Assim, deixe-me começar a falar sobre nossa sala de entrada: uma pequena análise sobre atributos do clássico Dungeons and Dragons. Há algumas semanas conversava com Leishmaniose, da coluna Lugar Nenhum, e Joka, da coluna Espaço Mítico, sobre como os atributos de D&D ajudam e confundem os jogadores a partir dos seus nomes. Desde então comecei a conversar com alguns outros jogadores e mestres do D&D 5ª edição e fui juntando peças, problemas, perguntas e soluções (ou quase).